Select Page

Mês: abril 2009

Paçocas Amor

p- Esses dias eu comprei este a href=”http://eduardo.macan.eng.br/2008/03/25/ha-coisas-que-nao-deveriam-ser-inventadas/”saco de bala de paçoca/a num semáforo. Achei bem ruim. Quer uma?/pp- Sou contra esse tipo de coisa./pp- Comprar coisas em semáforo?/pp- Não, não. Disso sou a favor. Já comprei de tudo e sempre dá para negociar. O último globo terrestre que adquiri, comprei em um farol do… p- Esses dias eu comprei este a href=”http://eduardo.macan.eng.br/2008/03/25/ha-coisas-que-nao-deveriam-ser-inventadas/”saco de bala de paçoca/a num semáforo. Achei bem ruim. Quer uma?/pp- Sou contra esse tipo de coisa./pp- Comprar coisas em semáforo?/pp- Não, não. Disso sou a favor. Já comprei de tudo e sempre dá para negociar. O último globo terrestre que adquiri, comprei em um farol do Butantã. Acho que na rua Vital Brasil. O vendedor me fez pela metade do preço e, como não tinha troco, me voltou uma bóia do Pato Donald. Farol é garantia de bons negócios./pp- Nem sempre. Essa bala de paçoca aqui é horrível. /pp- Acredito. Mas como eu dizia, sou contra esse tipo de coisa. /pp- Não falou o tipo de coisa. Semáforo? Paçoca? Bala? Não entendi./pp- Sou contra coisas que emulam outras coisas que são feitas de outras coisas./pp- Você é contra bala de paçoca?/pp-  Isso. Mas não só. Toda paçoca é de amendoim, correto? /pp- Parece que tem uma paçoca no nordeste que é salgada e é feita de carne. Serve essa?/pp- Não serve. Esotu falando da paçoca doce, a...

Read More

Obesidade Mórbida, Humor Negro

p- Olha que ser humano exemplar: a href=”http://g1.globo.com/Noticias/PlanetaBizarro/0,,MUL1101006-6091,00-MAE+DE+KG+ALIMENTA+BEBES+TRIGEMEOS+COM+FAST+FOOD.html”Mãe de 190 kg alimenta bebês trigêmeos com fast food/a./pp- Que delícia! Como eu queria viver a base de cheddar do MacDonalds./pp- Olha esse trecho: “Foi necessária uma equipe com 68 pessoas e despesas de 200 mil libras (cerca de R$ 650… p- Olha que ser humano exemplar: a href=”http://g1.globo.com/Noticias/PlanetaBizarro/0,,MUL1101006-6091,00-MAE+DE+KG+ALIMENTA+BEBES+TRIGEMEOS+COM+FAST+FOOD.html”Mãe de 190 kg alimenta bebês trigêmeos com fast food/a./pp- Que delícia! Como eu queria viver a base de cheddar do MacDonalds./pp- Olha esse trecho: “Foi necessária uma equipe com 68 pessoas e despesas de 200 mil libras (cerca de R$ 650 mil) pagas pelo Serviço Nacional de Saúde para realizar o parto”. 68 pessoas!/pp- Imagina o quanto não foi necessário de gente para fazer os filhos./pp- Uma pessoa, imagino. Só o pai./pp- Uma para entrar nela, claro. Mas imagina o tanto de operário necessário para abrir as pernas dela, socar o pai lá dentro, ficar fazendo movimentos de vai-e-vem com ele e depois retirá-lo de lá sem escoriações./pp- Ah, acho que, além do pai, umas três pessoas bem capacitadas a operar maquinário pesado, como um trator ou um guindaste, fariam isso com um pé nas costas./pp- Se é um guindaste ou um trator, então só seria preciso uma pessoa./pp- As outras duas seriam as pessoas responsáveis por encorajar o futuro pai. No caso, imagino que o dono do alambique local e um...

Read More

Benjamin Button e Seus Miquinhos Amestrados

p- Ontem assisti a a href=”http://www.imdb.com/title/tt0421715/”O Curioso Caso de Benjamin Button/a./pp- Filmão, hein./pp- Gostei também. Mas eu acho que ele precisaria de alguns ajustes para ficar perfeito. /pp- Por exemplo?/pp- Eu trocaria alguns atores. O papel do Brad Pitt, eu daria para o a href=”http://www.funmunch.com/celebrities/actors/vin_diesel/enlarge/vin_diesel_1.jpg”Vin Diesel/a. O… p- Ontem assisti a a href=”http://www.imdb.com/title/tt0421715/”O Curioso Caso de Benjamin Button/a./pp- Filmão, hein./pp- Gostei também. Mas eu acho que ele precisaria de alguns ajustes para ficar perfeito. /pp- Por exemplo?/pp- Eu trocaria alguns atores. O papel do Brad Pitt, eu daria para o a href=”http://www.funmunch.com/celebrities/actors/vin_diesel/enlarge/vin_diesel_1.jpg”Vin Diesel/a. O da mina principal, a Cate Blanchet, eu daria para a a href=”http://teledramaturgia.zip.net/images/evawilma2.jpg”Eva Wilma/a. /pp- Não vou falar nada, porque estou curioso para ver onde isso vai parar./pp- Pensa comigo. Já que era para usar maquiagem e efeitos para deixar os personagens mais velhos ou mais novos, o ideal seria maquiar uma pessoa careca e sem feições, como o Vin Diesel. /pp- E a Eva Wilma, entra onde?/pp- Ah, eu acho ela boa atriz mesmo. Melhor do que aquela enganação chamada Fernanda Montenegro, que faz o mesmo papel de a href=”http://www2.uol.com.br/fernandamontenegro/central.htm”Dora/a em qualquer coisa que atue. E faz isso desde muito antes de Central do Brasil./pp- Tá louco?/pp- Não. Mas deixe-me continuar./pp- Só depois de você me dizer se acha que Vin Diesel teria capacidade de desempenhar bem um papel com carga dramática que um Benjamin Button exige./pp- Vish, lógico....

Read More

Gente Legal Conectada com Gente Legal

A partir de hoje, este editor e também o site que edito (se não me tirarem do cargo antes) estará iniciando uma jornada verdadeiramente selvagem: iremos adentrar a selva das relações do Homem com o Homem e do Homem com a Natureza. Fomos convidados a sermos parceiros da Coolmeia, Ideias em Cooperação, iniciativa de cunho altruísta que busca integrar conhecimentos, ferramentas, modelos e ações em busca de soluções coletivas para um mundo melhor. O texto abaixo foi publicado originalmente na Coolmeia e é um convite informal para que aqueles que se sentirem tocados participem da Comunidade de "pessoas legais" que estão se mostrando cada vez mais conectadas com os problemas do mundo e querem fazer parte da solução e não do problema. Boa leitura. Há muito tempo atrás eu me questionava: porque afinal de contas, com tanta informação à nossa disposição, ainda assim cometíamos erros banais e insistíamos nos mesmos erros de sempre?   A resposta a essa pergunta não é simples e não é uma só.   Um dos motivos pelos quais isso acontece é justamente pela SOBRECARGA DE INFORMAÇÃO. Somos atacados de todos os lados por milhares de fontes de dados buscando cada uma sua sobrevivência em nossa consciência. Aparentemente, temos condições limitadas de lidar com este influxo de dados e pouco do que recebemos realmente é internalizado e assimilado pelos seres humanos em suas vidas práticas....

Read More

Os Sem Filhos

Tem crescido o número de mulheres, homens e casais que optam por não ter filhos. Este fenômeno da retirada da procriação tem crescido especialmente entre a população jovem que privilegia a carreira profissional, o consumo e o lazer ao invés da filiação. Desde a chegada dos portugueses, sempre houve uma política prónatalista no Brasil. O lema dos colonizadores era: “governar é povoar”. Até meados do século XX, o país possuia ampla disponibilidade de terras e, na típica sociedade agrária e rural, a norma instituida era a mesma do lema biblico: “Crescei e multiplicai-vos”. Alguns fatores de ocupação do território e outros econômicos contribuiram para adoção de uma mentalidade prónatalista no país. Nas sociedades escravocrata ou do capitalismo primário-exportador ter muitos filhos sempre foi uma forma dos donos dos meios de produção conseguirem mão-de-obra barata. Como mostra a literatura, o tipo de organização da atividade econômica prevalecente no Brasil até meados do século XX (economia de subsistência, colonato e parcerias agrícolas) favorecia um padrão de casamento precoce e a adoção de famílias numerosas, onde todos os membros atuavam em conjunto na atividade agrícola. Este padrão demográfico brasileiro era apoiado pela ideologia das Igrejas – que pretendiam aumentar o número de seus fiéis – e do Estado – que via no alto crescimento demográfico o caminho para a afirmação nacional e a defesa do território contra ameaças externas. Além disto, na...

Read More