• Home  / 
  • Archive: julho, 2012
Archive
0 Shares

A pedra no caminho do tempo

By Luciana Santa Rita / 28/07/2012

“ O que é passado, presente ou futuro, só o tempo atestará. Pois se existe mesmo esse vidro-hoje a separar fatos e pessoas, existe o vidro-afeto a ser quebrado a qualquer momento, não aceitando nem ser refratário, para se tornar apenas pleno em sua invisibilidade.” [ROMEU, A. C. Passado, presente e futuro. Jornal Diário Popular, […]

0 Shares

Hipocrisia e ditaduras!

By Luiz Afonso Alencastre Escosteguy / 27/07/2012

De qualquer governante que fique no poder por mais de dois daquilo que poderíamos chamar de “mandatos” pode-se dizer que não seja democrático. Que dizer então de gente que, de uma forma ou outra se perpetua no poder? Ditadores, no mínimo. E não importa o matiz ideológico.   Em uma democracia “de verdade”, ninguém conseguiria […]

0 Shares

Igualdades e Desigualdades

By Henrique Cruz / 22/07/2012

Vocês devem-se lembrar de eu ter dito em trabalho anterior que a álgebra é a generalização da aritmética onde os valores concretos dos números são substituídos pelos valores abstratos das letras minúsculas do nosso alfabeto. Pois bem vejamos as relações mais simples que se podem estabelecer entre esses valores abstratos como sejam as igualdades. Temos […]

0 Shares

Eleições de 2012 e a participação das mulheres nas câmaras municipais

By José Eustáquio Diniz Alves / 22/07/2012

As mulheres conquistaram o direito de voto no Brasil em 1932. Mas não conseguiram avançar na representação municipal nos 60 anos seguintes. Em 1992, o percentual feminino nas Câmaras Municipais ficou em apenas 7,4% do total de vereadores do país. Para mudar esta situação de déficit democrático de gênero, o Congresso Nacional aprovou em setembro […]

0 Shares

Vivendo sem garantias

By Luciana Santa Rita / 21/07/2012

  “[…] Segurar passarinho na concha meio fechada da mão é terrível, é como se tivesse os instantes trêmulos na mão. O passarinho espavorido esbate desordenadamente milhares de asas e de repente se tem na mão semicerrada as asas finas debatendo-se e de repente se torna intolerável e abre-se depressa a mão para libertar a […]

0 Shares

Crescimento econômico e populacional e redução da biocapacidade

By José Eustáquio Diniz Alves / 20/07/2012

A humanidade já ultrapassou os limites da sustentabilidade, conforme mostra os estudos mais recentes. A pegada ecológica da população mundial ultrapassou a biocapacidade do Planeta.  A Pegada Ecológica serve para avaliar o impacto que o ser humano exerce sobre a biosfera. A Biocapacidade avalia o montante de terra e água, biologicamente produtivo, para prover bens […]