Globalização e os movimentos sociais

O resultado econômico e social mundial não podia ser mais desastroso. Em 2006, mais de 15% da classe trabalhadora estão desempregadas; metade da população do Planeta passa fome; 100 mil pessoas morrem de fome por dia.

Continue reading “Globalização e os movimentos sociais”

A criatividade do Movimento Feminista

Como militante social desde os anos 60, tenho acompanhado com muito interesse todo o debate sobre 1968. Ao mesmo tempo, surpreendida pela pouca importância dada a revolução feminista. Enquanto feminista e sendo parte desta história, resolvi dar minha contribuição. Busquei refletir algumas das mudanças, das demandas, dos enfrentamentos e das contradições do movimento.

Continue reading “A criatividade do Movimento Feminista”

Uma geração em extinção. Onde estão as lutadoras e lutadores do povo?

A geração hoje acima dos 50 anos viveu e atuou em momentos fundamentais da história do Brasil. E, como diz Marx: “os seres humanos fazem a história, mas a fazem em determinadas circunstâncias”. Busco entender estas circunstâncias para entender a situação atual, quando companheiras e companheiros desta época estão cada vez mais envolvidos com a “administração do capitalismo”, alguns satisfeitos, outros nem tanto, mas sem disposição para a luta.

Continue reading “Uma geração em extinção. Onde estão as lutadoras e lutadores do povo?”

Uma visão sobre Cuba

Participei de um grupo de mineiros que esteve em Cuba do dia 20 de janeiro a 5 de fevereiro de 2008, nas Brigadas de Solidariedade. A carta renuncia de Fidel e os comentários da imprensa e das diversas pessoas que encontro, me levaram a escrever este texto, considerando o que vivi, vi, ouvi, observei e estudei (li muitos artigos mas quero chamar a atenção para os artigos do Laerte Braga, Emir Sader, um sobre os Reporteros sin Fronteras , Jesus Rodrigues Diaz e a entrevista com Ignácio Ramonet).

Continue reading “Uma visão sobre Cuba”