Prenúncio da guerra – O Futurismo


Ou, de como o Futurismo já trazia em si, mesmo que de forma inconsciente, indícios dos tempos de horror que estavam por vir.

Continue reading “Prenúncio da guerra – O Futurismo”

Dança NA rua (ou DE rua?)

Se um dos grandes objetivos é levar a dança ao grande público, que tal a rua? Muitas pessoas passando, gente que nunca teve grande contato com a dança zigue-zagueando para lá e para cá, crianças, idosos, mendigos, cachorros, enfim, a rua é um poço de variedades. Então, por que não levar a dança para lá?

Continue reading “Dança NA rua (ou DE rua?)”

Pequenas ações, grandes impactos

Algumas pequenas mudanças em nosso costume cotidiano podem ajudar (e muito!) a sustentabilidade do planeta. No artigo passado falei sobre algumas mudanças que podem ser promovidas em casa. Vamos seguir repensando nossos hábitos e como podemos contribuir para mudanças significativas em nosso ambiente.

Continue reading “Pequenas ações, grandes impactos”

Nem tudo se perde nem tudo se transforma

 

 

Lixo se tornou a alegoria da sociedade moderna, símbolo da desintegração, uma lembrança traumática, um novo motivo para discussões, a herança moderna para as novas gerações. O lixo está para a construção como desconstrução, matéria e decomposição, transformação.

 

Continue reading “Nem tudo se perde nem tudo se transforma”

Vá pela direita: como se locomover na Irlanda


Confesso que algumas vezes andei de graça de bonde em Dublin, apressada, distraída, entrei sem pagar. E tive sorte. Porque é uma roleta russa…

Continue reading “Vá pela direita: como se locomover na Irlanda”

O Coringão voltou… O Coringão voltou…


Nem um ano se passou entre a partida entre Corinthians e Grêmio que sacramentou o rebaixamento do Timão e o time mais popular de São Paulo já pode comemorar o retorno a elite do futebol brasileiro. Merecido triunfo. No ano passado – destruído por uma administração que não se interessou nem um pouco pela história, tradição e perspectivas do clube – o Corinthians viveu uma das mais vexatórias situações de sua quase centenária vida, o rebaixamento. O jogo do último sábado [25/10/2008], contra o Ceará, nos mostra outro clube e, nisso repousa a obra que levou a equipe de volta a 1ª Divisão.

Continue reading “O Coringão voltou… O Coringão voltou…”