All posts in "Quiáltera"
0 Shares

Bandeira, Villa-Lobos e as Tres Mulheres do Sabonete Araxá

By newton lobo / 06/06/2011

  Conheci Manuel Bandeira  meninote ainda, gostei logo de cara de suas poesias, seus versos, versos de circunstância… Ah! “As Três Mulheres do Sabonete Araxá, foi meu primeiro alumbramento”. Eu nem sabia o que era alumbramento, mas só podia ser coisa boa, e as tais mulheres do sabonete então, como seriam? Lindas claro. Lindas e […]

0 Shares

O Esquisito Violino Stroh

By newton lobo / 26/05/2011

   Dando prosseguimento ao assunto da aula anterior, vamos conhecer hoje, na categoria de  estranhos instrumentos, da nossa querida Escola Anormal, o esdrúxulo Violino Stroh.    Criado por Johannes Matthias Augustus Stroh, daí seu nome, esse violino aparentemente estranho, tem lá sua explicação. Na época das gravações em discos de cera, no tempo dos Phonógrafos […]

0 Shares

Escola Anormal – A Trompa

By newton lobo / 12/05/2011

 Tenho, em meus alfarrábios, uma pequena série de artigos que denominei de Escola Anormal, forma de alusão às antigas Escolas Normais, encarregadas de formar professores e que acabaram sendo substituídas pelas atuais escolas de segundo grau ou, sei lá como se chamam hoje em dia… Nesta série, faço pequenas e despretensiosas descrições dos vários instrumentos […]

0 Shares

Tributo a Um Velho Amigo

By newton lobo / 26/04/2011

     Folheando hoje uma velha edição das sonatas de Scarlatti, pude notar como estão amareladas e ásperas suas páginas. Quebradiças, impõem -nos forte obstáculo ao manuseá-las. Como dissessem, deixe-nos em paz, estamos cansadas e já muito fizemos.”Quedo el depósito que estabelece la Lei…” Este aviso havia no rodapé de todas as edições da velha […]

0 Shares

O Piano e o Violino

By newton lobo / 09/04/2011

  Alguns de nós somos mais saudosistas que outros, é verdade. Não vejo nada de mal nisso, eu mesmo sou extremamente apegado a velhas traquitanas. Sonhando acordado vejo-me em outras eras.   Nas viagens que faço à capital, meu alvo predileto ainda é o casario. Vejo o que sobrou duma época de glamour, vejo a […]

0 Shares

Zequinha de Abreu, Mário Mascarenhas e o Acordeom

By newton lobo / 25/03/2011

   Costumo declarar que hoje em dia, só nas horas da angustia e da saudade ouso escrever minhas bobagens e soltá-las aos quatro ventos, em busca de vossos ouvidos amistosos e complacentes. Poupando-vos, no mais das vezes, dessas coisinhas tão insignificantes. Insignificantes como gotinhas de lágrimas que, no entanto, se agigantam quando de nossas faces […]

0 Shares

Lehar e a Paillard 1920

By newton lobo / 05/03/2011

   Como à maioria dos compositores eruditos, mas nem todos claro, conheci o Austríaco Franz Lehar ainda na minha meninice, mas não no Conservatório Leonie Ehret onde nasci, não. Na verdade conheci-o através de uma velha vitrola à corda, uma magnífica Paillard da primeira metade do século passado, não que seja tão velho, não.    […]

0 Shares

Que é World Music

By newton lobo / 23/02/2011

  Muitos idiotas de narizes empinados, costumam torcê-los diante do que se costuma chamar de World Music, que nada mais é que música de excelente qualidade produzida, amiúde, com marcante característica de  determinada cultura, baseada antes  no acervo folclórico do que nas  tradicionais Escolas eruditas.    Ora, o que se chama de música World, portanto, […]

0 Shares

A Arte da Fuga para Iniciantes

By newton lobo / 08/02/2011

   A supremacia de J.S.Bach sobre todos os que se atreveram a compor segundo as regras do contraponto deve-se, além da influência que sofreu do gênio Pachelbel; além da superior inteligência de que era possuidor; além do espírito brilhante, luminoso e elevado que demonstrava ter, a uma particular característica, singularíssima e somente por ele utilizada […]

0 Shares

Einstein Cearense

By newton lobo / 23/01/2011

    Atualmente, tenho empregado grande parte de meu tempo na consecução tanto de um prefácio, como da crítica ou, deveria antes dizer (já que deploro a Crítica), das notas que estou a fazer, de cada capítulo de um livro de autoria dum filósofo/visionário brasileiro do início do século XIX. Digo visionário, pois que seu estilo, […]

Page 1 of 2